Posts com Tag ‘Jogos abstratos’

Santorini – Resenha

Publicado: 2 de fevereiro de 2017 por Alexandre Trentini em Resenha
Tags:, , , ,

santorini

Faz bastante tempo que não escrevo por aqui e hoje resolvi escrever sobre um jogo da Roxley que eu apoiei no Kickstarter ano passado, chegou semana passada em minhas mãos, Santorini, de Dr. Gordon Hamilton. (mais…)

Anúncios

LADRÕES & ZERGS – A BUSCA PELO TEMA PERDIDO

Este é um jogo do Reiner Knizia. O que isso significa? Ora, usualmente significa uma mecânica apurada e tema colado em cima com cascolar, então não sacuda muito senão desgruda.

(Cortesia do Tiagoaob)

E isto se aplica aqui? Sim, não há como circunavegar isso. Poderiam ser um bando de ladrões que cercam pessoas na rua e aquele que tem mais ladrões leva o roubo – assim, quem tiver a maioria de colares, relógios e carteiras, disputa a vitória. Ou são soldados no espaço sideral combatendo alienígenas, e aqueles que cercarem os oponentes com as maiores forças os vencem – dessa forma, quem destruir mais dos zergs, dos protoss ou dos aliens disputa a vitória. E assim em diante. Claro, talvez os mesmos fossem um pouco mais difíceis de vender, e mesmo quebrassem alguns direitos autorais, mas de qualquer maneira funcionaria sem mudar basicamente uma vírgula da mecânica.
(mais…)

Olá!

Aviso que as impressões abaixo, como dito, são as primeiras, com base em quatro partidas, todas em 4 pessoas.

O Game of Thrones: Westeros Intrigue é o cúmulo da simplicidade de regras e da total e absoluta ausência de ligação entre mecânica e tema – até eu, mais acostumado ao jeito Knizia de ser, fiquei surpreso por quão abstrato este jogo é. (mais…)