Resenha “Somente o Básico”: Through the Ages

Publicado: 6 de abril de 2015 por Binderman em Diversos

Aviso: O objetivo das resenhas “Somente o Básico” é escrever o mínimo necessário para que o leitor entenda e se interesse pelo jogo.

Sobre o Through the Ages: São três formas de jogas: simples, avançado e completo. A resenha tratará apenas do modo completo pois os outros são usados basicamente para ensinar o jogo a novos jogadores.

1) O que é?

Um jogo onde você constrói sua civilização.

2) Como se joga?

O fluxo do jogo pode ser resumido assim: selecione cartas para comprar, execute ações e jogue cartas. Existem três características representadas por pontas na sua civilização: cultura, ciência e força militar. O jogo é vencido por aquele que tiver mais pontos de cultura. Esses pontos são adquiridos de várias formas: construindo-se templos e teatros, colonizando certos territórios, construindo maravilhas e jogando determinadas cartas de ação, líderes, agressões e guerras.

3) Quais são as decisões que você pode tomar?

Existem muitas decisões a serem tomadas, jogadores novos podem se sentir sobrecarregados e normalmente são necessárias várias partidas para se ter um bom entendimento sobre o jogo. No início do jogo: – Você deve selecionar uma ou mais cartas da linha de cartas civis disponíveis. A cada turno: – Escolha uma (ou nenhuma) carta militar para colocar na respectiva pilha. – Execute o evento político, se houver algum. – Execute ações civis de acordo com seu número de pontos de ação civis: selecione as cartas civis, eleja um novo líder, jogue uma carta de ação, construa ou atualize construções, destrua construções, aumente sua população ou descubra uma nova tecnologia. – Execute ações militares de acordo com seu número de pontos de ação militares. construa ou atualize unidades, elimine unidades, compre cartas militares. 4) Quais as coisas boas do jogo?

– Se você gosta de jogos estratégicos mais complexos com muitas decisões e com um tema bem implementado este pode ser um jogo de seu agrado.

– Existem várias formas de vencer o jogo.

– Tema bem implementado.

– É considerado um dos melhores do gênero, possui grande profundidade e é um genuino “brain burner”.

5) Quais as más notícias?

– Bastante complexo para jogadores iniciantes, principalmente pela quantidade de informação que se deve digerir.

– O jogo é longo, de 2 a 3 horas para 2 jogadores até 5 a 6 horas para quatro jogadores.

– O jogo com 4 jogadores pode ser uma experiência frustrante devido ao tempo de espera e a dificuldade em se conseguir as cartas desejadas.

– Agressões e guerras podem ter efeitos devastadores para os jogadores despreparados. – Alguns reclamam da falta de um mapa.

– Erros nas primeiras rodadas serão impiedosamente punidos no final do jogo.

6) Como você se sente ao jogar?

O jogo é épico. Você começa sua civilização com muito pouco: agricultura, algumas minas, conhecimento em filosofia, exército primitivo e uma quantidade pequena de habitantes. Com o passar do tempo você elegerá grandes líderes, como Napoleão, Da Vinci, Gengis Khan, Gandhi e Albert Einstein. Sua sociedade vai evoluir, criar um sistema de justiça, navegação e arquitetura. Serão construídos tanques de guerra, aviões e foguetes. Desenvolvimentos geniais serão realizados: cinema, computadores e até mesmo a internet. Todas as grandes conquistas da humanidade acontecendo durante o jogo trazem à tona o sentimento de se construir uma civilização bem sucedida. Créditos das imagens: Eagle Games

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s