Parade – resenha

Publicado: 10 de abril de 2014 por Tiago Perretto em Resenha
Tags:, , ,

“Senhoras e senhores, coisas e coisos, nobres e plebeus, bem-vindos, bem-vindos todos àquele que é, sem sombra de dúvida, o maior desfile de todo o País das Maravilhas!”, anunciou o Coelho Branco.

“Dúvida tem sombra?”, perguntou a Lebre de Março.

“Tem sim”, respondeu o Gato de Cheshire. “Tem a forma do receio.”

“Ah”, ecoou a Lebre, sem realmente entender. “E pode o único desfile ser o maior?”

“Pode”, afirmou o Gato. “É também o menor, no entanto.”

“Mas isso a Duquesa não disse”, replicou a Lebre, desconfiada da veracidade do que lhe era dito.

“Não disse”, concordou o Gato, pausando para lamber entre os dedos da pata. “É uma inferência com base na singularidade do evento.”

“Ah”, soltou a Lebre. “Maior é melhor então?”

“Nem sempre”, respondeu o Gato, espreguiçando-se. “Isso me lembra de quando aquela menina… Alice! Isso. Quando Alice queria sair por um porta bem pequena. Ali, menor era melhor.”

“Verdade”, assentiu a Lebre.

Eles interromperam a conversa quando o Dodô chegou batendo forte com o bico na pele do tambor que trazia amarrado à cintura. O desfile afinal começara.

 

PARADE – O JOGO

(Imagem por Happykali)

Parade é um jogo em que os jogadores adicionam cartas em uma linha central, formando assim o “desfile”.

As regras são bem fáceis de assimilar:

– Existem 6 cores de cartas e cada cor tem cartas de valor 0 a 10. Assim, no total, há 66 cartas;

– O desfile começa com 6 cartas retiradas de forma aleatória da pilha de cartas (é recomendado que a caixa do jogo seja colocada numa das pontas, para indicar onde é o começo do desfile);

– Cada jogador recebe 5 cartas e, na sua vez, escolhe uma das cinco para colocar na linha do desfile;

(Cortesia de garea37)

– Se o valor da carta que o jogador escolheu é maior do que o número de cartas no desfile, nada acontece – então o jogador compra uma carta da pilha, para voltar a ter 5 cartas na mão, e passa a vez ao próximo jogador;

– Se o valor da carta que o jogador escolheu é menor do que o número de cartas no desfile, existe a possibilidade do jogador ter de pegar algumas das cartas presentes no desfile: primeiro o jogador conta, a partir da carta ao lado daquela que acabou de colocar, na direção do começo do desfile, um número de cartas igual ao valor da carta que foi colocada. As cartas que estiverem além do número, podem vir a serem pegas, de acordo com o seguinte: 1º) o jogador deve pegar todas as cartas que tiverem número menor ou igual ao daquela que ele colocou, e 2º) o jogador deve pegar todas as cartas de cor igual à daquela que ele colocou.

Exemplificando:

Há 7 cartas no desfile e por ordem elas são: 8 Vermelho, 5 Azul, 0 Branco, 4 Branco, 7 Verde, 7 Laranja e o 9 Púrpura. O jogador coloca a carta 3 Branco. A contagem tira da possibilidade de serem pegas o 9 Púrpura (um), 7 Laranja (dois) e o 7 Verde (três). Das que restaram, o jogador não pega o 5 Azul e nem o 8 Vermelho por terem valor superior à daquele que ele colocou. Ele tem que pegar as duas cartas brancas, independente do valor, pois são da mesma cor da que foi colocada. O jogador então compra 1 carta e passa a vez. Agora o desfile tem: 8 Vermelho, 5 Azul, 7 Verde, 7 Laranja, 9 Púrpura e o 3 Branco.

(Imagem por Happykali)

– O jogo termina quando algum jogador tiver coletado cartas das 6 cores ou quando a pilha de cartas de compra se esgotar. Em qualquer um dos casos, cada jogador ainda colocará 1 carta a mais no desfile, da maneira usual, pegando as cartas que tiver que pegar. Ao final dessa rodada, cada jogador terá nas mãos 4 cartas;

– Das 4 cartas que restaram na mão o jogador deve escolher duas para descartar e duas, reveladas simultaneamente, para colocar junto das demais cartas coletadas durante a partida.

Afinal vem a contagem dos pontos que funciona do seguinte modo:

– Na cor que o jogador tiver em maior número de cartas (não de valor das cartas) quando comparado aos adversários, cada carta contará como -1 ponto por carta;

– Nas demais cores, o jogador receberá pontuação negativa igual ao valor das cartas.

O jogador que tiver a pontuação mais perto de zero, vence!

 

E É BOM?

(Imagem por morsecrossing)

Sim, é sim. Talvez explicando não fique tão claro, mas o jogo é simples de ser compreendido, porém a decisão de que carta utilizar pode ser complexa. Evitar toda e qualquer carta é o melhor, mas até quando isso é possível? Adianta resistir o quanto for possível só para acabar com um 9 Laranja enquanto o outro, que pegou 4 cartas Laranjas vai marcar somente -4? Ou tentar a maioria? Que cartas os outros podem estar guardando para as 2 que serão reveladas somente no final? São perguntas feitas a todo momento.

Há, justamente porque o aumento e a diminuição do desfile depende das cartas dos jogadores, bastante atenção no que os outros estão coletando e inserindo no desfile, mas não há várias maneiras de interferir no jogo dos outros – isso reside em tomar a maioria de alguma cor e usualmente ocorre na revelação das duas cartas finais.

É um jogo que acomoda até 6 participantes, mas acredito que o ideal seja jogá-lo em 4 pessoas, quando há mais disputa pelas cartas (com 6, as cartas ficam mais espalhadas, com a maioria de uma cor podendo ser alcançada com só 2 cartas!). Mesmo assim, com 3, 5 ou 6 o jogo ainda funciona bem.

A duração média é de 30 minutos, mas se todos já conhecem o jogo, é possível sem dificuldade realizar uma partida em 20 minutos.

O atrativo final é, claro, o preço bem reduzido do jogo, já que o mesmo é composto de cartas, uma folha de regras e a caixa (que, por sinal, não é capaz de acomodar o jogo se as cartas forem protegidas com sleeves, o que eu acho uma terrível, hedionda, desastrosa, falha de design).

O contra, além da irritante caixa? Bem. O tema das cartas não tem absolutamente nenhuma importância ou relação com as regras. É só para ajudar a vender usando uma obra literária bastante conhecida. Porém, isso pode ser um fator positivo: é excepcionalmente fácil fazer uma versão pessoal do jogo sem perda alguma.

Bem, é isso!

Abs,

 

** Isto refere-se à edição anterior do jogo, a edição atual acomoda bem as cartas com sleeves, porém seu custo, como o tamanho da caixa, aumentou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s